Junho vermelho: o seu sangue salva vidas!

Junho vermelho: o seu sangue salva vidas!

A doação de sangue é um ato de solidariedade que ajuda várias pessoas: com anemia, em tratamento de câncer, casos de acidentes, cirurgia, transplantes e portadores de doenças crônicas, como a Talassemia (que é um distúrbio sanguíneo hereditário, em casos graves pode necessitar de transfusão de sangue ou de um transplante de células-tronco de um doador).

Doar sangue não dói, é só uma picadinha e não coloca em risco a sua saúde. O ambiente de doação é limpo e confortável, e todo o material utilizado para a coleta do sangue é descartável. Na doação é retirado aproximadamente 450 ml de sangue, feita através de inserção de uma agulha em um dos braços. A coleta é feita por profissional capacitado e sob a supervisão de um médico ou enfermeiro, atestando a segurança e o bem-estar do doador(a).

Todo o processo de doação de sangue leva em torno de 55 minutos, e o doador(a) antes de ser aprovado como apto para a doação passa por etapas criteriosas. Na entrevista são feitas perguntas relativas à sua saúde, e a sinceridade é essencial para a segurança de quem vai receber o sangue. Caso você sinta vontade de desistir do processo de doação de sangue por algum motivo, pessoal ou por considerar que seu sangue possa causar algum problema para quem for recebê-lo, basta informar.  As etapas do processo de doação de sangue são:

  • Cadastro do doador
  • Pré-triagem
  • Triagem
  • Coleta do sangue

Mas quem não pode doar sangue? Pessoas que tem ou tiveram algumas destas doenças:

  • Hepatite após os 11 anos de idade;
  • Lepra (Hanseníase);
  • Hipertireoidismo e tireoidite de Hashimoto:
  • Doença auto-imune;
  • Doença de Chagas;
  • AIDS;
  • Problemas cardíacos (necessita avaliação e declaração do seu cardiologista);
  • Diabetes;
  • Câncer.

A pré-triagem é realizada antes da doação, nesse processo é feita a verificação dos sinais vitais e uma entrevista individual. Casovocê tenha algum problema de saúde ou sintomas de perda de peso, caroços pelo corpo, feridas na boca e manchas na pele, não doe sangue e procure imediatamente um médico.

E quais os principais requisitos para doar sangue?

  • Ter entre 18 e 69 anos, 11 meses e 29 dias;
  • Doadores com idade entre 16 e 17 anos são aceitos para doação mediante a presença e autorização formal dos pais e/ou responsável legal;
  • O limite de idade para primeira doação é de 60 anos;
  • O candidato à doação deve estar em boas condições de saúde, sem feridas ou machucados no corpo;
  • Pesar acima de 50 kg (com desconto de vestimentas);
  • Apresentar documento original com foto atualizado, que permita a identificação do candidato, emitido por órgão oficial. Exemplo: RG ou cópia autenticada, Carteira de Identidade de Profissional Liberal, Carteira de Trabalho e Previdência Social, Carteira Nacional de Habilitação, digital ou física, Título de Eleitor digital, desde que tenha foto, ou Passaporte brasileiro com filiação.
  • Ter repousado bem na noite antes da doação;
  • Evitar o jejum. Fazer refeições leves e não gordurosas nas 3 horas que antecedem a doação;
  • Evitar uso de bebidas alcoólicas nas últimas 12 horas;
  • Evitar vir acompanhado com crianças, sem acompanhantes.

Você não deve doar sangue para outro fim. Caso você precise realizar algum exame, basta procurar pelos Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA) mais próximo, nesses locais o acesso a exames é gratuito, não necessita da solicitação do médico(a) para a realização e os resultados são mais rápidos.

Pequenas atitudes fazem grandes mudanças: doe sangue!

Eu, Wesley Nicolas Oliveira Gonçalves, autor desta matéria e colaborador do time ELOS, passei por esta experiência de doar sangue pela primeira vez. Já era algo que eu queria fazer há bastante tempo. Me organizei, agendei pelo site e passando por esta experiência, pude relatar com mais propriedade nesta matéria como foi o passo a passo da doação. E mais importante, o meu objetivo é encorajar você e mais pessoas a doarem também. Não dói, a doação em si leva cerca de 10 minutos, depois temos um tempinho e um lanchinho para recarregarmos nossas energias e voltarmos para casa. Importante você saber que no dia da doação você tem direito à folga no trabalho para se recuperar. O organismo de cada pessoa pode reagir de forma diferente após a doação. No meu caso, senti muito sede, fome e cansaço ao longo do dia, mas foi bem mais tranquilo do que imaginava. E no dia seguinte, acordei super bem e disposto. Daqui a dois meses, posso doar novamente. Esse é o tempo mínimo entre uma doação e outra. Para homens, o intervalo mínimo entre as doações é de 60 dias (com até quatro doações no período de 12 meses). Para mulheres, o intervalo mínimo é de 90 dias (com até três no período de 12 meses). E você, vai agendar a sua doação? Aqui em Santa Catarina, o site para agendamento é:

https://www.hemosc.org.br/agende-sua-doacao.html

Wesley Nicolas Oliveira Gonçalves – doação dia 13/06/2022

Referências:

HEMOSC – Centro de Hematologia e Hemoterapia de Santa Catarina

Banco de Sangue – Blog – Por que doar sangue?

Doação de Sangue — Português (Brasil) (www.gov.br)



Fique por dentro do que acontece na ELOS

Mantemos a posição entre as empresas que seguem as melhores práticas de segurança da informação

Passamos por Auditoria de Manutenção das Certificações ISO 27001 e 27701 nos dias 13,14 e 15/06.

Veja mais
Eleição Suplementar ELOS: o resultado foi homologado pela diretoria e candidatos eleitos já começam a tomar posse

Eleição Suplementar ELOS: o resultado foi homologado pela diretoria e candidatos eleitos já começam a tomar posse

Conheça os novos membros representantes dos participantes no Comitê de Investimento e no Conselho Deliberativo.

Veja mais
Não haverá atendimento no feriado de Corpus Christi

Não haverá atendimento no feriado de Corpus Christi

Não haverá atendimento nesta quinta e sexta-feira, dias 16 e 17/06.

Veja mais
Reajuste de benefícios dos Planos BD-ELOS/Eletrosul, BD-ELOS/Engie e subplano BPDS

Reajuste de benefícios dos Planos BD-ELOS/Eletrosul, BD-ELOS/Engie e subplano BPDS

Veja a tabela com o índice de reajuste que começa a ser aplicado neste mês de junho/2022.

Veja mais