Nossos investimentos


É com todo o cuidado, profissionalismo, competência e ética que a ELOS, tendo a real dimensão da grande responsabilidade que temos em mãos, administramos o patrimônio de cada plano, Sempre de acordo com o que determina a legislação específica sobre o assunto.

Por isso, estabelecemos e obedecemos criteriosamente todas as disposições estipuladas em nossa política de investimentos – documento que reúne todas as regras sobre como devem ser investidos os recursos – e também seguimos as determinações legais do Conselho Monetário Nacional (CMN), órgão máximo do Sistema Financeiro Nacional.

Tudo isso executado por uma equipe de profissionais obedecendo a um qualificado Processo de Tomada de Decisão, onde cada equipe possui um papel distinto, capaz de filtrar as ações a serem tomadas, garantindo maior segurança ao processo.

Adotamos as melhores práticas do mercado para gestão dos investimentos e monitoramento dos riscos. Dia 20 de novembro de 2020, recebemos o Selo de Autorregulação em Governança de Investimentos concedido pela ABRAPP, Sindapp e ICSS. O selo certifica que seguimos os parâmetros norteadores da governança de investimentos estabelecidos no código de autorregulação.

INVESTIMENTOS

Contamos com um órgão de assessoramento da Diretoria Executiva. O Comitê de Investimentos é formado por representantes das patrocinadoras, dos participantes, da Diretoria Executiva e do Gerência de Investimentos, e têm a competência de subsidiar a Diretoria Executiva e o Conselho Deliberativo na tomada de decisão pertinente aos investimentos da Fundação ELOS, como também avaliar e recomendar propostas sobre a Política de Investimentos da Entidade, a serem submetidas à aprovação do Conselho Deliberativo.

Atualmente também temos parceria com uma consultoria financeira, para avaliação de risco dos investimentos.

Neste processo, é importante salientar que as decisões no Comitê de Investimentos são tomadas sob o consenso, basta a discordância de um único membro para que a proposta de investimento seja cancelada.

Investimento é a aplicação de um recurso no mercado financeiro ou de capitais (dinheiro, títulos públicos ou privado, ações, etc.), com a expectativa de receber um retorno futuro superior ao valor aplicado, ou seja, com o objetivo de lucro.

RECURSOS DOS PLANOS

Os recursos financeiros administrados pela ELOS são provenientes das contribuições realizadas pelos participantes e patrocinadoras. A soma de todas as contribuições realizadas compõe o patrimônio dos planos. E a soma dos patrimônios de cada plano compõe o patrimônio total administrado pela ELOS.

RENTABILIDADE

É o retorno esperado de um investimento descontando custos e tarifas. O retorno do investimento, no entanto, dependerá de uma série de fatores, como o desempenho dos segmentos investidos quer sejam eles, como por exemplo, de renda fixa ou de renda variável, como também o comportamento da economia brasileira e internacional, etc.

No caso da ELOS, a rentabilidade não só deve ser positiva como deve cumprir algumas premissas, como garantir a não desvalorização financeira, a reposição da inflação e ainda gerar um ganho mínimo (juro).

POUPANÇA DE LONGO PRAZO

Esse retorno pode ser a curto, médio ou a longo prazo, dependendo da situação e do objetivo do investidor.

No caso das Entidades Fechadas de Previdência Complementar, como a ELOS, os recursos financeiros são investidos visando o retorno a longo prazo, pois trata-se da formação de reservas que tem como objetivo o pagamento de benefícios de aposentadoria.




Fique por dentro do que acontece na ELOS

Abrimos leilão para venda de três imóveis

A venda destes imóveis faz parte do nosso plano de desinvestimento imobiliário

Veja mais
Horários de atendimento em dias de jogos do Brasil

Horários de atendimento em dias de jogos do Brasil

Fique atento aos horários de atendimento diferenciados em dias de jogos do Brasil nas oitavas de final da Copa 2022!

Veja mais
Plano CD – Prazo para alteração de percentual termina final de dezembro

Plano CD – Prazo para alteração de percentual termina final de dezembro

O novo percentual solicitado passa a valer a partir de janeiro de 2023.

Veja mais